Concorrente do Mi Mix: Doogee Mix começa a ser comercializado com envios para o Brasil

Se formos falar de um smartphone que deixou uma legião de entusiastas boquiabertos, sem dúvidas tem que ser o Xiaomi Mi Mix. Apontado em seu lançamento como “uma luz no fim do túnel” para a falta de inovação que hoje domina o mercado. O aparelho foi definitivamente importante para influenciar design dos maiores flagships deste ano, como o Galaxy S8, LG G6. Mas além destes, existe também o Doogee Mix, que já está disponível em nossa loja parceira, a banggood.

A Doogee decidiu entrar na onda dos smartphones “quase-sem-borda” de forma curiosa. Com novo Doogee MIX, a empresa não copiou só o nome da linha como também quase todo o design empregado pela Xiaomi. Tendo exatamente o mesmo formato, proporção e tamanho de tela do consagrado dispositivo da Mi Mix, dificilmente alguém poderá dizer que o modelo é feio, ainda que a copia não tenha sido perfeita: o aproveitamento de tela é altamente comprometido pela estranha borda inferior com um sensor de digitais.

O aparelho anunciado há poucos dias, já deu as caras em lojas online ao redor do mundo, traz um conjunto de câmeras duplas com uma de 16MP e outra de 8MP com flash dual-tone, no qual os sensores são fabricados pela samsung com o ISOCELL. Na frontal temos uma câmra frontal de 5MP com ângulo de visão de 86° . Há uma entrada USB tipo-C e um botão na parte frontal.

Doogee MIX – Especificações

  • Tela Samsung Super AMOLED de 5.5 polegadas com resolução HD 294ppi
  • 6 GB de RAM
  • 64 GB de armazenamento interno (não expansível)
  • Processador Helio P25 Octa-Core 2.5GHz
  • GPU Mali T880
  • Câmera principal de 16 megapixels com autofocus, HDR, flash dual-LED e filmagem 4K
  • Câmera frontal de 5 megapixels
  • Dual SIM (nano)
  • USB Type-C
  • Peso de 193 gramas
  • Bateria de  3380mAh (não removível)
  • Android 7.0
Incluído no Pacote  1 DOOGEE MIX
 1 Ccabo USB
 1 Filme de proteção
 1 Estojo de couro
 1 Cartão de garantia
 1 Manual
 1 Taxa da UE

Devido a grande semelhança, ainda podemos ter disputas judiciais entre as marcas, algo fora do comum para o mercado chinês. Com este lançamento intensifica-se a visão negativa sobre as cópias asiáticas, uma vez que nem mesmo as próprias conterrâneas são perdoadas.

Fonte.

Loading spinner

Sobre André Portella

Estudante de TI, viciado em música, adorador de tecnologia e games.