TSE impede chegada de função do WhatsApp que benefecia brasileiros e Presidente Bolsonaro vai de contra e defende disponibilidade do recurso

No último sábado (16), o WhatsApp anunciou a chegada de uma nova função ao app que benefecia os brasileiros no que se refere ás Comunidades que poderia agora integrar diversos grupos em um único local. Contudo, o presidente Jair Bolsonaro se zangou ao saber que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), teria feito um acordo com o serviço para implementar a função somente depois das eleições.

Em entrevista recente a um canal de TV (CNN), o presidente disse que precisa conversar com os representantes do WhatsApp no Brasil para chegar a um acordo acerca da implementação da funcionalidade “Comunidades” antes das eleições, contrariando o TSE.

A função chega como uma forma de corrigir a lacuna deixada pela limitação de membros em grupos, que hoje suporta no máximo 256, apesar de anunciar que iria aumentar esse número para 512. Contudo, o recurso “Comunidades” vai poder integrar diversos grupos dentro de uma Comunidade criada por um determinado administrador.

No entanto, o WhatsApp firmou um acordo com o TSE que essa função só fosse disponibilizada após as eleições, para evitar disseminação de notícias falsas. Mas com isso uma pergunta fica no ar: Depois das eleições não haverá mais notícias falsas?

Bolsonaro se posiciona contra:

Já conversei com o (ministro das Comunicações) Fábio Faria. Ele vai conversar com representante do WhatsApp aqui no Brasil para explicar. Se ele pode fazer um acordo com o TSE, pode fazer comigo também, por que não?

Essa última informação agora que o WhatsApp pode ter uma política mundial, ninguém vai reclamar. Agora, apenas para o Brasil o disparo em grupo poderá ser realizado depois das eleições? Ah, depois das eleições não vai ter mais fake news?

Isso que o WhatsApp está fazendo no mundo todo, sem problema. Agora, abrir uma excepcionalidade para o Brasil, isso é inadmissível, inaceitável, e não vai ser cumprido este acordo que porventura eles realmente tenham feito com o Brasil, com informações que eu tenho até o presente momento.”

Fonte

O que nossos seguidores pensam sobre o assunto?

Sobre Uanderson Conceição

Chief executive officer (CEO) na empresa Meu-Smartphone. Youtuber, adora praticar Downhill Mountain Bike, entusiasta da natureza e acredita soberanamente em Deus.